Temporada 2016

A temporada 2016 da SPCD parte da percepção da força das imagens na contemporaneidade, que desperta em cada um de nós diferentes percepções de imagens e que são transformadas pelo que sentimos e vivemos. Titulada de Jogo de Linhas, apresenta três criações e cinco remontagens que dialogam com esta ideia. Entre as criações estão: Six Odd Pearls, do americano Richard Siegal; Pivô, de Fabiano Lima, que integra o Ateliê de Coreógrafos Brasileiros; e uma obra do brasileiro Jomar Mesquita ainda sem título – a segunda criada especialmente para a SPCD. Novos duos clássicos integram as remontagens, como o Grand Pas de Deux de O Corsário, da SPCD e O Talismã Pas de Deux, de Pablo Aharonian, a partir dos originais de Marius Petipa; além de Pas de Deux de Carmen e Fada do Amor, ambos de Márcia Haydée; e a remontagem de Suíte para Dois Pianos, do alemão Uwe Scholz remontada por Giovanni Di Palma.

X