Temporada 2017

Pássaro de Fogo foi o tema da Temporada de Assinaturas 2017 da São Paulo Companhia de Dança. “Símbolo de luz, é uma ave lendária, mítica e imortal, capaz de se regenerar, de encontrar potência para sua existência pelo encorajamento e superação. Este tema vem ao encontro das observações, reflexões e transformações do Brasil dos dias atuais.”, diz Inês Bogéa, diretora artística da SPCD.
O programa teve quatro estreias, sendo uma criação, Primavera Fria, de Clébio Oliveira, Pássaro de Fogo Pas de Deux (2010), Marco Goecke remontada por Giovanni Di Palma, 14’20’’ (2007), de Jirí Kylián, e Suíte de Raymonda, que integra o terceito ato do balé, remontada por Guivalde de Almeida para o Ateliê de Coreógrafos Brasileiros.
Ainda na temporada vimos obras marcantes do repertório: Ngali… (2016), de Jomar Mesquita com colaboração de Rodrigo de Castro, Suíte para Dois Pianos (1987), de Uwe Scholtz, Indigo Rose (1998), de Jirí Kylián, Pivô (2016), de Fabiano Lima, e La Sylphide (2014), de Mario Galizzi.

Assine aqui ou ligue (11) 3224-1383 de segunda a sexta das 10h às 19h.

X