Dança em Rede

Coletivo Acuantos

  • Categoria: Companhias Profissionais
  • País de origem: Brasil
  • UF de origem: SP
  • Cidade de origem: São Paulo
  • Ano de criação: 2013
  • Duração: 45
  • Grupos de estreia: Companhia Urbana de Dança
  • Autores: Sonia Destri Lie
  • Telefone: 11 98323-9949
  • E-mail: coletivoacuantos@gmail.com

Histórico

Coletivo Acuantos no Urizzi Dance Festival. Foto: Renan Livi | Divulgação

HISTÓRIA

O Coletivo Acuantos é um grupo formado por quatro bailarinas de flamenco: Carol Corrêa, Céline Costa, Fernanda Viana e Thaïs Caniati. As quatro bailarinas vieram de diferentes origens artísticas e hoje vivem em cidades e países diferentes, São Paulo e Santos (Brasil), Nova Iorque (Estados Unidos) e Braga (Portugal). O coletivo nasceu da aspiração por projetos que tenham como essência a dança flamenca, mas não se restrinjam a esse estilo. O propósito é desenvolver um repertório singular. A busca constante por originalidade e frescor conecta livremente e culmina na manifestação de múltiplas inspirações por meio da dança.

Videografia

Trechos do espetáculo As Mulheres de Picasso, Coletivo Acuantos
<https://www.youtube.com/watch?v=m7vaO_N7O2g>

Guajiras, coreografia completa, Urizzi Dance Festival
<https://www.instagram.com/p/CELGo2pArmR/>

Teaser de Concreto, Cia Flamenca Alê Kalaf
<https://www.youtube.com/watch?v=_T9rywrQWQU>

Trabalhos

As Mulheres de Picasso (2015), do Coletivo Acuantos, estreou em 2015 no projeto Tubo de Ensaio, do Centro de Referência de Dança da Cidade de São Paulo; meses depois, a obra foi reapresentada na mostra do mesmo lugar. Em 2017, alguns trechos foram apresentados no ABCDança, em Diadema.

Antes de sua primeira obra, em 2013 o coletivo participou do espetáculo Pedaçosdemim (2013), com direção de André Pimentel, que teve apresentação única no MuBE Nova Cultural.
Entre 2014 e 2016, o coletivo fez residência artística no Centro de Referência da Dança da Cidade de São Paulo para a realização do espetáculo As Mulheres de Picasso (2015). Em 2017, participaram do Urizzi Dance Festival com Guajiras e receberam os prêmios de melhor coreografia e melhor grupo do festival.

Em 2018, todas as integrantes do Coletivo Acuantos participaram do processo de pesquisa e apresentação do espetáculo Concreto (2018), de Alê Kalaf, da Cia Flamenca Alê Kalaf.

 

 

Cássia Pires | Pesquisa SPCD

X