Primavera Fria

  • Categoria: Coreografias
  • País: Brasil
  • Cidade: São Paulo
  • Ano: 2017
  • Grupos: São Paulo Companhia de Dança
  • Autores: Clébio Oliveira

Conteúdo

Sinopse

Segundo Clébio Oliveira, <;em>;Primavera Fria<;/em>; examina a anatomia de uma ruptura inesperada. É uma jornada do corpo pela perda do objeto amoroso enquanto experiência psíquica e neurológica. Desejo, narcisismo, inadequação corporal, vulnerabilidade. A obra propõe um mapeamento afetivo-sensorial do corpo em nosso cérebro. A perda do objeto amoroso é um tema que há séculos inquieta e inspira pensadores, poetas e artístas. Mas longe de construir uma experiência metafísica, essa perda é vivenciada no corpo por meio de um intrincado encadeamento bioquímico sofrido e produzido pelo cérebro humano. Buscamos antever e planejar, bem como compreender o mundo a nossa volta, as pessoas e, principalmente, a nós mesmos, a partir de racionalizações. No campo afetivo, buscamos a felicidade e ansiamos por relações amorosas sólidas ainda que inexoravelmente forjadas pela fantasia. Nossa busca por controle cai por terra quando somos atravessados pela paixão ou pela dor de sua ruptura", fala o coreógrafo. Esta é sua terceira criação para a SPCD, que já tem em repertório Céu Cinzento (2015) e Coreogravity."
X