Dança em Rede

La Fille Mal Gardée

  • Categoria: Coreografias
  • País de origem: França
  • Cidade de origem: Bordeaux
  • Ano de criação: 1789
  • Duração: 120
  • Grupos de estreia: Ballet du Grand Théâtre de Bordeaux
  • Autores: Jean Dauberval
  • Remontagens: Ballet du Rhin
    Ballet Bolshoi (versão de Jean-Pierre Aumer)
    Ballet do Teatro Maryinsky (versões de Charles Didelot, e de Petipa e Ivanov)
    Royal Ballet (versão de Frederick Ashton)
    Ballet da Ópera de Paris (versão de Jean-Pierre Aumer)
    American Ballet Theater (versão de Bronislava Nijinska)

Histórico

Dauberval foi aluno de Noverre na Ópera de Paris, foi bailarino em Bordeaux, Lyons, Londres e Stuttgart. Na Ópera foi Primeiro Bailarino Demi-Caráter, Primeiro Bailarino Nobre, assistente de Vestris e assistente de Gardel. Teria sido sucessor de Noverre na direção da companhia, segundo o acordo que o mestre fez ao deixar o cargo. Este acordo não foi seguido.

Profundamente influenciado pelas propostas de Noverre, criava ballets de ação, que contavam histórias através da integração das formas artísticas, sendo um dos primeiros coreógrafos a recorrer a figuras simples, do povo, ao invés de reis e heróis, como era de costume para as personagens principais.

Seu principal trabalho se desenvolveu com o Ballet do Grand Théâtre de Bordeaux, onde coreografou La Fille Mal Gardée, para o qual sua esposa dançou o papel principal.

Links




Por Henrique Rochelle | SPCD Pesquisa
51

Bibliografia

Algumas sugestões de leituras e referências acerca da História da Dança:

ANDERSON, Jack. Ballet and Modern Dance: a concise history
ANDERSON, Jack. Dança
AU, Susan. Ballet & modern dance.
BALANCHINE, George; MASON, Francis. Complete Stories of the Great Ballets
BOUCIER, Paul. História da Dança no Ocidente
CAMINADA, Eliana. História da Dança: evolução Cultural
COHEN, Selma Jean. Dance as a Theatre Art
CRAINE, Debra; MACKRELL, Judith. The Oxford Dictionary of Dance
DILS, Ann; ALBRIGHT, Ann Cooper. Moving History / Dancing Cultures: a dance history reader
FARO, Antonio Jose; SAMPAIO, Luiz Paulo. Dicionário de Balé e Dança
KIRSTEIN, Lincoln. Four Centuries of Ballet
KOEGLER, Horst. The Concise Oxford Dictionary of Ballet
PORTINARI, Maribel. História da Dança
SCHOLL, Tim. From Petipa to Balanchine
SORELL, Walter. Dance in Its Time

Videografia

http://youtu.be/Wt3rk6AKy-I

http://youtu.be/N1N02Zj5wAE

Sinopse

La Fille Mal Gardée (a garota mal vigiada) é um balé cômico, inspirado por uma pintura. Ele foi mantido em repertórios através de tentativas históricas de continuidade, com diversas versões e remontagens, além de seis versões da trilha sonora. A principal sobrevivente é a versão de Petipa e Ivanov montada em 1885.

Conta a história de Lise, uma jovem camponesa apaixonada por um jovem, perto de quem tenta ficar, enquanto sua mãe impede a proximidade e lhe avisa sobre as importâncias de se guardar para um bom casamento. Enquanto Lise escapa da mãe para ficar com seu amado Colin, a mãe lhe arranja um casamento com alguém que oferecia um bom dote. O primeiro ato acaba quando Lise e seu noivo são apresentados, ambos infelizes com o casamento forçado.

Na segunda cena, Lise encontra e tenta consolar Colin e quando seu noivo retorna, suas amigas tentam impedi-lo de se aproximar. Uma tempestade se aproxima e, tentando se esconder, o noivo de Lise empurra uma jovem, por acaso salvando-a.

Na terceira cena, na casa de Lise, Colin aparece e declara seu amor, pedindo-a em casamento. Ouvindo sua mãe chegar, Lise esconde Colin no palheiro. A mãe nota que a menina havia desobedecido pois ela estava com o cachecol de Colin. Depois de ser disciplinada, Lise é trancada no palheiro. Quando chega o noivo, o tabelião e alguns convidados, a mãe oferece ao noivo a chave do palheiro, que ele abre e de onde saem Lise e Colin, cobertos de palha, destruindo a reputação da moça. Os dois imploram permissão para se casarem e a mãe de Lise cede.
X