Cia da Arte Andanças

  • Categoria: Companhias Profissionais
  • País: Brasil
  • UF: CE
  • Cidade: Fortaleza
  • Ano: 1991
  • Responsável: Andréa Bardawil
  • Responsável cargo: Diretor/Coreógrafo
  • Contato: Andréa Bardawil
  • E-mail: andreabardawil@gmail.com

Conteúdo

A Companhia da Arte Andanças foi criada em 1991, pela coreógrafa cearense Andréa Bardawil, e trilhou os mesmos passos de quase todos os grupos independentes do Ceará e do Brasil: iniciou em uma sala de academia; investiu em pesquisa de linguagem, realizando um trabalho próprio e cada vez mais independente; itinerou por várias salas e espaços, permutando serviços, a fim de conseguir um local para ensaios até que, em 1994, investiu, pela primeira vez, numa sede própria ao abrir a Escola da Arte Andanças. Ali, os integrantes da Cia se revezaram nas aulas e cursos no espaço que funcionou até 1996.

Esta itinerância foi suspensa em 1999, quando a companhia passa a sediar-se no Alpendre - Casa de Arte, Pesquisa e Produção, dividindo o espaço e inquietações com outros artistas contemporâneos. O trabalho já realizado pela Cia (aulas, grupo de estudo e projetos de formação de platéia para a dança), foi a base para a implementação do Núcleo de Dança do Alpendre, que passa a reunir, além dos bailarinos do grupo, pesquisadores de diversas áreas, com interesse em pesquisas na área da dança.

Em parceria com o núcleo de produção audiovisual do Alpendre, coordenado por Alexandre Veras, surge a experimentação de uma nova estética: o vídeo-dança. Ao todo, da colaboração sistemática entre videomakers e coreógrafos, o Alpendre soma mais de 20 produções.

Em 2005, foi lançado o projeto Interferência:San Pedro, pesquisa que une as linguagens da Dança, da Literatura e do Vídeo. Ele resultou na produção de mais um vídeo-dança (San Pedro), de um vídeo documentário (Um navio à deriva) e na primeira publicação do Núcleo, a revista Interferência: San Pedro.

Em 18 anos de trabalho, a Cia da Arte Andanças ganhou vários prêmios e editais, tais como a Bolsa Vitae de Artes (Andréa Bardawil/2000), o prêmio Klauss Vianna (Funarte), o Edital de Incentivo às Artes (Secretaria da Cultura do Ceará) e o Edital das Artes (Secretaria de Cultura de Fortaleza).

Bibliografia

GADELHA, Rosa Cristina Primo. A Dança Possível: as Ligações do Corpo Numa Cena. / Rosa Cristina Primo Gadelha. - Fortalza: Expressão Gráfica e Editora Ltda., 2006.

Videografia

Trabalhos

- O Tempo da Paixão ou O Desejo é um Lago Azul (2004). Trabalho livremente inspirado na obra de Leonilson.
- O Tempo da Delicadeza (2002)
- Furdunço (2001),
- Vagarezas e Súbitos Chegares (2001). Direç
X