Youth American Grand Prix Brasil

  • Categoria: Festivais
  • País: Brasil
  • UF: SP
  • Cidade: São Paulo
  • Ano: 2003
  • Diretor: Marisa Pivetta
  • Ocorrência: outubro
  • Voltado à: amadores

Conteúdo

A edição brasileira do Youth American Grand Prix surgiu a partir do festival Dança em Campos, organizado pelo Instituto Passo de Arte, em Campos do Jordão, no qual bailarinos disputavam o Prêmio Cecília Kerche em solos contemporâneos e variações clássicas, após terem recebido orientações via coaching.

A possibilidade de intercâmbio com os Estados Unidos surgiu quando Anne Polajenko, uma das juradas do evento, levou aos Estados Unidos um DVD com o registro das apresentações dos vencedores desse festival, que foram convidados a disputar o Youth American Grand Prix, realizado em abril de 2002, em Nova York.

Nessa primeira participação brasileira, Paulo Arrais e Isabela Gasparini receberam bolsas, respectivamente, para a escola do balé da Ópera de Paris e para a Escola Nacional de Balé do Canadá.

Com o fim do Dança em Campos, o Instituto Passo de Arte entrou em contato com a organização do YAPG e passou a representar o concurso no Brasil, com a realização de uma edição anual em outubro, na cidade de Santos, que desde então funciona como principal seletiva nacional para o evento realizado em NY.

Por ano, o YAPG Brasil é habilitado a credenciar 30 solistas e 10 grupos nacionais no YAPG Internacional, que tem como grande chamariz criar condições para que jovens bailarinos se profissionalizem na área a partir da concessão de bolsas de estudos em instituições renomadas.

Em uma década de realização, o YAPG Brasil contou com um corpo de jurados internacional e levou mais de 1.500 estudantes e professores de 200 escolas a Nova York. Nos últimos anos, o festival vem se preocupando em oferecer ajuda de custo para financiar a viagem dos selecionados aos Estados Unidos, com prêmios em dinheiro cedidos a membros escolhidos pelo júri.

O Instituto contabiliza mais de 100 jovens bailarinos brasileiros estudando atualmente na Europa e nos Estados Unidos com bolsas cedidas no concurso. Entre os premiados durante esse período figuram nomes, como Isabella Maylart e Mayara Magri.

Para celebrar os primeiros 10 anos de realização do evento no país, em 2013, o evento mudou sua sede de Santos para São Paulo e criou uma versão brasileira, no Teatro Alfa, da gala Stars of Today Meet Stars of Tomorrow, uma reunião de profissionais de destaque do mundo da dança com vencedores do festival que costuma encerrar o evento americano.

Links

Site do Youth American Grand Prix Brasil






(Por Amanda Queirós | Pesquisa SPCD)" 45

Processo seletivo

Para participar do YAGP Brasil é preciso já ter sido pré-selecionado em alguma das seletivas regionais do festival Passo de Arte. Podem participar solistas, duos, pas de deux, trios e conjuntos de todos os estados, tendo os concorrentes 9 e 19 anos. A idade deve ser comprovada por meio de cópia autenticada de documento do competidor.
Cada solista deve estar apto a apresentar dois trabalhos: uma variação de repertório e um solo contemporâneo, neoclássico ou livre. As inscrições são efetivadas mediante pagamento de taxa de inscrição.
X